Vamos falar de regras um pouquinho, afinal a vida não é só pint e compras na Pennys, my dear! Se ainda não ouviu falar do famoso PPS Number, você vai ouvir e vai entender porque ele é tão necessário assim que chegar na Ilha (SE você quiser trabalhar, of course)

PPS = Personal Public Service 

Para entender melhor, o PPS é bem parecido com o nosso CPF no Brasil, já que ele é um numero usado para se obter benefícios da assistência social, carteira de habilitação e o principal: TRABALHAR LEGALMENTE NA IRLANDA.

Seria incrível chegar na ilha e obter um cartãozinho desse facilmente, mas não, o governo não facilita tanto assim e você precisa se enquadrar em algumas situações, como:

 

  • Ter uma carta com uma oferta de trabalho
  • Candidatar-se para tirar a carteira de motorista
  • Marcar seu casamento na Irlanda (com europeu ou não)
  • Ou ser cidadão europeu

 

Lembrando que o PPS é exigido principalmente pelas empresas, ou seja, ele não altera em nada a obtenção do seu visto. A parte chata é que muitas empresas simplesmente não te dão trabalho, pois você não tem PPS, acreditam que esse processo é demorado e você não poderá começar trabalhar sem registro. Isso dificulta um pouco as coisas, mas vamos seguir.

 

E como eu obtenho o PPS se me enquadrar em alguma categoria? 

Tenha em mãos: Passaporte, Comprovante de Residência e o motivo pelo qual precisa do PPS (Habilitação, casamento ou carta do empregador). 

Tudo em mãos faça o cadastro e agende um horário no MyWelfare website.

 

mywelfare_post

 

Agora é só esperar, seu PPS chegará na sua casa via correio em um prazo aproximado de 5 dias.

Lembrando que o PPS não é emitido para visto de turista. Você precisa ter permissão para trabalhar para solicitar o documento, okay?

Então só reforçando: cursos com 25 semanas ou mais dão direito ao trabalho = 20h de trabalho por semana durante o período letivo e 40h durante as férias. Em outro post, vamos falar um pouquinho mais sobre os tipos de visto na Irlanda, não se preocupe 😉

Palavra do coração ❤ seja honesto e não caia em enrascadas como “falsificar carta de empresas”, inventar motivos ou algo do tipo. Se quer que o bem volte pra você, haja da maneira correta, tenha argumentos para conseguir a carta e paciência. A vida te devolve aquilo que você dá pra ela.

Débora Cristina Soares de Souza

About Débora Cristina Soares de Souza

Leave a Reply